Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Luto pelo meu País

Segunda-feira, 10.01.11

    

 

 

 

   Venho hoje, deixar só uma  nota, nada de novo, apenas continua...!! Também deixar dois links, do jornal SOL online, onde se lê sobre os 80 milhões de euros gastos em 10 anos nas pensões dos políticos e um outro onde se lê sobre o aumento das vendas da Rolls Royce em 170% no ano de 2010, não me apetece dizer muito mais neste momento, o que não quer dizer que tenha baixado os braços ou que me tenham vencido por cansaço, ou que já não tenha reação, não, é apenas este momento, pois luto e sempre lutarei pelo meu País, mas o que me apetece agora, é sonhar, sonhar que posso actuar, mas actuar como um todo e de vez, que posso verificar todos os negócios sujos e gestões ruinosas e responsabilizar os responsáveis, os políticos, os empresários corruptos e outros, de os levar à justiça e rapidamente tirar esta gente de circulação para servirem a comunidade e fechar-se o processo, a de acabarmos com este arrastar constante de inércia alargada a todas as pastas em especial à cega justiça, pois era escusado e não é justo estarmos na posição em que estamos. Se acreditamos no progresso e na modernização, não é no telemóvel xpto ou no carro x ou na casa y, é em nós, pessoas, aqui é que o progresso faz sentido, na mudança da nossa mentalidade, mais responsável, numa posição mais culta, mais empreendedora, honesta, com sentimentos, valores e comportamentos mais refinados, sem nos deixarmos levar pelas "luzes" da globalização do consumismo e do retorno imediato, mas curto. Lamento por Portugal, pelo povo Português, que também não é isento de culpas, pois nada fizemos desde a passagem da monarquia até agora, ou seja, se passámos da monarquia para a República, em que duas das princípais razões foram, o País encontrar-se sem rumo e o esbanjamento de dinheiros públicos pelo Rei, na República continuou tudo na mesma, o esbanjamento, o desperdício, depois  já em processo de banca rota, tivemos um Senhor (que foi convidado) e que sim, finalmente equilibrou as contas públicas, goste-se ou não se goste, Salazar foi exímio na sua função e na gestão das contas do estado (note-se que foi a única altura na História de Portugal que tivemos uma boa gestão financeira), passados 100 anos desde a implatação da República, comemorada exuberantemente, temos o mesmo problema, não aprendemos nada e agora temos o FMI outra vez à porta, já cá tivemos o FMI em 1977 e 1984, no pós 25 de Abril e estamos na eminência de virem outra vez, passados 27 anos.

Podemos concluir que a "passagem de sistema político" nada resolveu e a classe política nada aprendeu em termos de servir o País, continuou sim a servir a classe e arredores, pois penso que o nosso problema principal é mesmo a nossa mentalidade, nossa? sim nossa, povo, sim nossa políticos, sim nossa empresários, Nossa, de todos.

Poderia aqui e agora, escrever um texto extenso, mas não o vou fazer, vou simplesmente gerir a minha tristeza, a minha impotência e a minha revolta que sinto, de sentir um enorme orgulho de nascer num País rico geográficamente, capaz, inteligente, mas que desperdiça constantemente os seus recursos, capacidades e valor.

Se derem ao trabalho de ver alguns dos meus anteriores posts...não é nada de novo para nós, o que deveria ser novo era o nosso BASTA!

 

João Azevedo

 

Links:

http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Interior.aspx?content_id=8830

http://sol.sapo.pt/inicio/Economia/Interior.aspx?content_id=8855

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por grelhadamista às 16:50


2 comentários

De Pedro Jordão a 31.01.2011 às 00:38

caro João sugiro fazermos um luto nacional pela condições em que se encontra este país, Que tal encher as nossas janelas com mantos pretos em sinal de luto e tristeza... tipo Scolari mas sem futebol à mistura

De grelhadamista a 10.02.2011 às 11:45

Caro Pedro Jordão (lembrou-me o antigo avançado do meu sporting)

Era uma boa ideia, mas preferia que "todos nós" ou grande parte, boicotasse os bancos, retirando todo o dinheiro das contas, quando aumentassem os juros, que boicotassemos as gasolineiras,´de uma forma ou doutra, que boicotassemos os hipermercados reclamando e dizendo não, não comprando, pelo menos, frescos estrangeiros, como fruta, legumes e outros, Não comprar leite estrangeiro e activamente cobrar os governantes que lá pusémos, sempre com boicotes, por exemplo també mem obras públicas, pressionando para requalificação e restauro de prédios e palácios devolutos, porque isto com greves não vai lá....pelo contrário!! Um abraço JA

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Janeiro 2011

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031





comentários recentes

  • MARIA

    Sou enfermeira de profissão e após ter-se divorcia...

  • Arturo

    Boa noite,Primeiro de tudo gostaria me disculparem...

  • lock the orthography!!!

    Muito do dinheiro dos ditadores também está deposi...

  • Marcos, Brasília

    hahahaha...Fantástico. Gostei especialmente a líng...

  • Anónimo

    muito boa noite Ha muita coisa que se passa neste ...

  • ritashahar

    Olá Torquemada,Fogueiras? Sim, há que eliminar, ma...

  • grelhadamista

    Caro Pedro Jordão (lembrou-me o antigo avançado do...

  • Pedro Jordão

    caro João sugiro fazermos um luto nacional pela co...

  • grelhadamista

    Grande Miguel,Obrigado...até do barulho tenho saud...

  • Miguel Brandão

    Olá João.Parabéns pelo blog.Passei apenas para dei...